Instituto Pedro Nunes
IPN     IPN Incubadora
CaMeLi testado pelos utentes do Centro de Dia do Centro Social S. Pedro
Geral
Laboratórios de I&DT
 
Os utentes do Centro de Dia do Centro Social S. Pedro estão a participar no piloto do projeto CaMeLi. Este piloto permitiu ter respostas concretas a necessidades e adaptações da solução contribuindo para um aumento da sua eficiência e eficácia, viabilizando assim a adaptação às reais necessidades dos idosos portugueses.


O CaMeLi é numa solução inovadora que visa proporcionar benefícios a nível prático, psicológico e social, auxiliando o idoso nas atividades diárias por forma a que possa permanecer mais tempo ativo e independente, melhorando o seu bem-estar. Traduz-se num avatar, um assistente virtual com figura humana com o qual o idoso pode falar e interagir pedindo para realizar determinadas ações. Agendamento de atividades, contacto com familiares ou amigos através de Skype, marcação de refeições ou relembrar o idoso de onde guardou um objeto são algumas das funções disponibilizadas pelo projeto.


As melhorias implementadas nesta tecnologia inovadora resultaram da colaboração de 8 parceiros na área do envelhecimento Ativo e Saudável. O projeto é liderado pela SIEMENS AG (Alemanha) e a participação portuguesa ficou a cargo do Instituto Pedro Nunes (IPN) , mais precisamente do nosso Laboratório de Automática e Sistemas. A Cáritas de Coimbra e a Universidade de Aveiro estão a cooperar no projecto.


 
O projecto CaMeLi é financiado pelo programa AAL (Active and Assited Living Programme). O Programa AAL é uma fonte de financiamento que visa criar melhores condições de vida para os idosos e fortalecer as oportunidades industriais internacionais com base nas tecnologias da informação e comunicação (TIC). O AAL Programme financia projectos transnacionais (pelo menos três países envolvidos) que envolvem pequenas e médias empresas (PME), organismos de investigação e organizações de utilizadores finais (representando idosos).



Data

27 de Agosto de 2018