Instituto Pedro Nunes
IPN     IPN Incubadora

Hotelcracy Apps
Sistema integrado de serviços para o setor do alojamento

Desafio

As tecnologias da informação e comunicação (TIC) ocupam, há já mais de duas décadas, um lugar de destaque na gestão de unidades hoteleiras e similares, sobretudo através do uso de sistemas Enterprise Resource Planning (ERPs) especializados e setoriais, frequentemente denominados Property Management System (PMS). Porém têm sido identificadas limitações destes sistemas informáticos no suporte a todos os processos do negócio do alojamento e no acompanhamento de novas necessidades no mercado de forma rápida e ágil. Em resposta a estas limitações, as empresas do setor hoteleiro têm adotado um número crescente de soluções específicas complementares, cuja integração com as existentes nem sempre está assegurada. Tal falta de integração da informação e dos processos reflete-se na perda de competitividade, da ineficiência de execução de determinadas operações e na falta de acesso a dados globais agregados em tempo-real. Acrescem as dificuldades de integração inter-organizacional, muito em especial com as agências de viagens, num negócio que é essencialmente interterritorial na sua distribuição e dependente de trocas de informação rápidas, fiáveis e seguras que permitam a promoção e comercialização em diferentes pontos de venda.

Solução

O projeto Hotelcracy Apps tem como objetivo criar um sistema Software-as-a-Service que permitirá a um hoteleiro selecionar um conjunto de soluções cloud best-of-breed de terceiros e integrá-las, de forma transparente, sob uma interface homogénea que uniformiza a experiência de utilização e abstrai da complexidade subjacente. As várias soluções a integrar serão escolhidas de um Marketplace, podendo ser trocadas individualmente sempre que as necessidades de negócio assim o ditem, garantindo-se a migração de toda a informação.
Atuando como um broker entre soluções para a área hoteleira e seus utilizadores, e não como mais um fornecedor de uma aplicação para este mercado, o sistema proposto ficará reforçada sempre que novas aplicações para alojamento e viagens surjam ou evoluam.

Referência do projecto

2017/17692

Financiamento

FEDER
FEDER

Localização

Nacional

Custo total

656.841,83

Custo IPN

291.425,12

Apoio financeiro da UE

FEDER - 218.568,84

Duração

2016-2019

Consórcio

Hotelcracy Software Lda
Instituto Pedro Nunes – Associação para a Inovação e Desenvolvimento em ciência e tecnologia

Parceiros

 

Palavras-chave

Turismo; Alojamento; Hotel; App; SaaS